segunda-feira, 20 de março de 2017

7 PASSOS PARA UMA VIDA EQUILIBRADA COM OS CICLOS DE IMERSÃO E MANUTENÇÃO!


Há uma grande chance de que você esteja enfrentando o seguinte dilema: há tantas coisas para fazer, tantos projetos acontecendo ao mesmo tempo e tantas áreas nas quais você está tentando progredir que manter tudo isso funcionando sem colocar nas suas costas uma grande carga de stress e ansiedade parece impossível.
Você está se formando em Direito, estagiando em um escritório de advocacia, trabalhando ou procurando por um emprego. Ainda precisa arranjar tempo de estudar para o Exame da Ordem, dentre outras aspirações e resoluções de ano novo que você definiu como meta (e já estamos em MAIO).
Acrescente a isso ao fato de manter o relacionamento saudável, harmonioso e cuidar da sua família, tentando manter uma vida social mínima aceitável.
Fazer todas essas coisas caminharem lado a lado e ser capaz de progredir em todas elas ao mesmo tempo é tarefa para gigantes. Existe sim, uma solução inteligente para esse grande desafio: ciclos de imersão e manutenção.

Entendendo os ciclos de imersão e manutenção
A ideia por trás dos ciclos de imersão e manutenção é simples:

Em vez de tentar avançar com todos os seus projetos e progredir em todas as áreas da sua vida ao mesmo tempo, escolha alguns deles e mergulhe fundo. Sim, você deve estar pensando exatamente no Exame da Ordem ou naquele tão desejado Concurso Público! Mas não esqueça todo o restante, coloque-os no “modo manutenção”.

O objetivo é definir períodos (ciclos) de trabalho duro e alta produtividade (imersão) para alcançar determinado resultado em algumas áreas, enquanto faz-se o mínimo necessário (e, por isso, usa-se menos recursos) para manter suas habilidades ou evitar grandes perdas em outras áreas.
Após o término do período definido para o ciclo você poderá então mudar o seu direcionamento, passando a colocar o seu foco (iniciar um novo ciclo de imersão) naqueles projetos e áreas que estavam no “modo manutenção” e colocando em “modo manutenção” os projetos e áreas nos quais você estava imerso antes.

A estratégia para trabalhar efetivamente com os ciclos de imersão e manutenção, ao ser desconstruída, deu origem aos 7 passos seguintes:
1.Descubra tudo com o que você está envolvido e comprometido;
2.Defina as áreas nas quais você deseja (ou precisa!) crescer com mais urgência;
3.Prepare o seu ciclo de imersão;
4.Defina a Dose Mínima Eficaz (DME) para as áreas de manutenção;
5.Prepare o seu ciclo de manutenção;
6.Mergulhe fundo (e sem culpa!);
7.Revise os ciclos regularmente;

Passo 1: Descubra tudo com o que você está envolvido e comprometido
O passo inicial para começar a criar a sua estratégia de ciclos é listar tudo aquilo com o que você está atualmente comprometido em alcançar resultados.
Está aprendendo a tocar um instrumento? Se preparando para o Exame da Ordem? Treinando para os seus primeiros 5Km, 10Km ou 21Km de corrida? Comprometido em perder peso e ganhar massa muscular? Trabalhando em um TCC? Criando um novo blog? Escrevendo o seu primeiro livro? Estudando algo que você deseja dominar? Montando uma empresa? Lutando para conseguir uma promoção no seu trabalho? Você entendeu a ideia!
Você precisa listar tudo com o que está envolvido e que está exigindo de você o investimento de seus recursos. Pense em “recursos” de maneira muito ampla: dinheiro, energia física e mental, tempo etc.

Passo 2: Defina as áreas nas quais você deseja (ou precisa!) crescer com mais urgência
Se você está prestes a concluir a sua graduação ou pós-graduação em Direito, mas ainda está atrapalhado com o seu TCC, mergulhar fundo na produção dele é uma excelente ideia.
Se a sua saúde não anda bem e você sente-se doente e fraco uma ótima ideia seria iniciar um ciclo de estudos sobre como realizar a sua reeducação alimentar e começar a se exercitar gratuitamente em casa ou nos parques públicos da sua cidade.
A sua situação atual e a etapa da sua vida na qual você se encontra dirão para você o que é importante naquele momento.

Passo 3: Prepare o seu ciclo de imersão
De quanto tempo você precisa para o Exame da Ordem? Sessenta dias com 3 ou 4 horas de trabalho diário darão conta do recado?
Para ajudar neste processo, o Endireitados disponibiliza gratuitamente um Ebook (http://www.endireitados.com.br/project/ebook-4-passos-exame-ordem/) e planilha de estudo (http://www.endireitados.com.br/project/planilha-exame-da-ordem/)  para você preparar e afiar as ferramentas, antes de começar a realmente colocar a mão na massa:
Mas e se você não souber de quanto tempo irá precisar para avançar o suficiente em determinada área ou projeto? Simplesmente use a sua experiência atual para estimar o tempo necessário e siga revisando os ciclos regularmente (Passo 7) e realizando os ajustes necessários.

Passo 4: Defina a Dose Mínima Eficaz (DME) para as áreas de manutenção
Se você irá encarar um ciclo de imersão nos estudos para ser aprovado em um Concurso Público extremamente concorrido é improvável que você possa continuar usando 2h do seu dia para deslocar-se até a academia, treinar e depois voltar para casa.
Nesse caso você precisa avaliar qual a Dose Mínima Eficaz (DME) necessária para que você possa manter-se saudável e em forma enquanto foca-se nos estudos. A Dose Mínima Eficaz (DME) é, aliás, um conceito poderoso para fazê-lo realizar mais com menos esforço. (http://mude.nu/dose-minima-eficaz-dme-e-produtividade/)

Passo 5: Prepare o seu ciclo de manutenção
A melhor maneira de explicar a preparação do seu ciclo de manutenção é a seguinte: preencha os “espaços” existentes entre as suas atividades principais (aquelas que fazem parte do seu ciclo de imersão) com as atividades que estão em “modo manutenção”.
Assim, entre duas sessões de estudos de 2h cada você pode, por exemplo, inserir uma corrida de 15 ou 20 minutos em algum local próximo da sua residência ou praticar um pouco ao violão.
Distribua as atividades que estão em “modo manutenção” nas janelas de tempo existentes entre as atividades do seu ciclo de imersão.

Passo 6: Mergulhe fundo (e sem culpa!) 
O objetivo dos ciclos de imersão e manutenção é permitir que você faça avanços significativos em uma direção (ou algumas direções) enquanto mantém (ou evita uma grande deterioração ou estagnação) aquilo que conquistou em outras áreas.
Para que isso realmente aconteça é preciso que você mergulhe fundo nos projetos e áreas que você elegeu como prioritários nesse momento e permaneça tranquilo por estar fazendo apenas um pouco em todas as outras áreas.
Você não deve sentir-se culpado por estar indo à academia apenas duas vezes por semana. Relaxe e saiba que, no momento apropriado, você também irá focar-se nas áreas e projetos que agora estão recebendo menos recursos e atenção.

Passo 7: Revise os ciclos regularmente
Defina períodos regulares para reavaliar os seus ciclos de imersão e manutenção e saber se chegou o momento de mover algumas peças do jogo.

Por Endireitados
Fonte Site Mude.Nu