segunda-feira, 7 de agosto de 2017

VOCÊ CONHECE A DIFERENÇA ENTRE ESCRITÓRIO VIRTUAL E COWORKING


Nos dias de hoje, a era virtual está mudando a maneira como nos relacionamos em diversas esferas sociais. No mundo corporativo, inúmeras mudanças podem ser apontadas, desde escritórios virtuais a empreendedores digitais que tem seu escritório em qualquer parte do planeta. Para acompanhar essas novas tendências, muitas novidades na maneira como as pessoas trabalham têm surgido. E uma delas se refere ao espaço onde se trabalha. Anteriormente, microempresários que queriam começar o próprio negócio tinham que necessariamente, alugar uma sala comercial. Já profissionais autônomos ou freelancers não dispunham de nenhuma opção de espaço, a não ser a própria casa. Atualmente, essa realidade está bem diferente. E qualquer pessoa que tenha apenas um projeto para ser desenvolvido e necessita de um espaço para criar pode encontrar nos escritórios virtuais e no coworking, ambientes de trabalho ideais para realizações profissionais.
Mas, como funcionam os escritórios virtuais e o coworking? Quais as vantagens de cada um? E como saber o que é melhor para você e sua empresa? Acompanhe:

Escritórios virtuais
A definição para escritório virtual está relacionada às empresas que oferecem serviços de apoio para empreendedores e empresários que não possuem espaço próprio ou apropriado para o desenvolvimento de contatos comerciais. Assim, esse empreendedor pode contar com os serviços de locação de um escritório completo, que oferece suporte, como recepcionista, office-boy, fotocópias, salas para reuniões ou eventos, entre outros, sem ter a necessidade de realizar grandes investimentos. O escritório virtual, então, oferece toda a infra-estrutura necessária para o desenvolvimento da área comercial ou de negócios do empresário a baixos custos.
Estes serviços são costumeiramente usados por profissionais que não precisam estar fisicamente no local de trabalho todos os dias, trabalham de casa ou viajando entre cidades. Somente utilizam o escritório quando precisam fazer uma reunião ou disponibilizar um endereço comercial para os clientes ou para entrega de correspondência ou encomenda. As empresas que oferecem os serviços de escritório virtual podem ofertar o pacote separadamente ou em conjunto. Essas empresas devem possuir uma estrutura operacional montada de, no mínimo, uma recepcionista, uma telefonista, sala de reunião, salas privativas ou compartilhadas e serviços de motoboy.

Principais vantagens do escritório virtual:
1. A praticidade do processo é uma das grandes vantagens. Geralmente, no mesmo dia da assinatura do contrato entre as partes (empresário e empresa fornecedora), o escritório já é entregue ou disponibilizado com a infraestrutura de internet, telefone, sala de reunião e atendimento profissional.

2. Os serviços de escritório virtual aliam a necessidade das empresas de reduzir custos e também de não desperdiçar tempo e energia se preocupando em procurar locais para alugar. Com isso, o empresário pode focar na atividade principal, ficando livre dessa preocupação.

3. Muitos escritórios virtuais oferecem inclusive a opção de abertura de domicílio comercial e fiscal. Neste caso, a empresa que administra o escritório virtual pode se responsabilizar também pela regularização fiscal do empreendimento, agindo mediante procuração concedida pelo empresário, que contratou os serviços, para representá-lo na recepção de correspondências, propostas comerciais e também perante os agentes de fiscalização.

Coworking
É uma nova forma de pensar o ambiente de trabalho. A proposta é oferecer um espaço inspirador para desenvolver qualquer tipo de atividade profissional, sem o isolamento do home office ou as distrações de espaços públicos. No coworking, é possível encontrar ambientes especialmente pensados para o trabalho autônomo. Além disso, nesse sistema se faz muito networking com pessoas de diversas áreas. E, obviamente, o profissional encontra toda a estrutura para receber clientes por um custo bem menor do que alugar uma sala comercial.
O coworking surgiu através das tendências do freelancing e das start-ups e reúne diariamente milhares de pessoas em um ambiente de trabalho inspirador. Segundo o site Coworking Brasil, no país existem mais de 100 espaços disponíveis. No mundo todo, estima-se que já há mais de 4.000 espaços em funcionamento.

Principais vantagens do coworking:
1. Além da maioria dos espaços oferecerem serviços diversos, como ambientes para eventos, salas privativas/compartilhadas e consultorias, o maior destaque do coworking é a reunião de uma comunidade de pessoas conectadas em um mesmo propósito: trabalhar com inspiração e criatividade.

2. No coworking, os profissionais que dividem o mesmo espaço de trabalho costumam desenvolver relações mais dinâmicas e inteligentes com seus fornecedores e clientes. Isso porque esses espaços permitem muita troca de ideias com pessoas de diferentes segmentos, com grande possibilidade de fechar parcerias e negócios.

3. No modelo de coworking, todos os inquilinos ficam numa mesma sala, geralmente grande e pagam pelo tempo que usam. Neste caso, a flexibilidade é a maior vantagem, pois evitam gastos desnecessários com uma estrutura que pode ficar ociosa quando, por exemplo, precisam viajar, tirar férias, ou mesmo viajar a trabalho ou ficar fora do escritório por um certo período.

Como qualquer outro serviço, é aconselhável que o empreendedor interessado na locação de um escritório virtual ou em espaços de coworking faça pesquisas para encontrar quais são os mais adequados às suas necessidades e à sua realidade financeira.
É importante analisar como esses serviços são oferecidos e procurar saber se essas modalidades de trabalho proporcionam recepcionistas treinadas, sistema de telefonia e de internet eficiente e equipamentos adequados para o pleno funcionamento do negócio.

Fonte oHub